11 novembro 2019

Aproveite a vida

“Aproveite a vida”, ouvimos e repetimos, diante da perspectiva de que a morte se aproxima a cada dia. No entanto, mesmo após a nossa morte, Deus ainda é Deus. Ao falar sobre os mortos e sobre a ressurreição, Jesus disse: “Deus é Deus dos vivos e não dos mortos, pois para ele todos estão vivos” (Lc 20.38). A morte não apaga a realidade da existência de Deus. Então, para aproveitar a vida plenamente, viva em paz com Deus, por meio da fé em Jesus. Assim, você vai aproveitar não somente a vida aqui, mas eternamente!

Oração: Salvador Jesus, perdoa-me quando vivo como se o fim da vida aqui fosse o fim de tudo. Ajuda-me a aproveitar a vida da melhor maneira: sob teu perdão e paz. Amém. 

Leia em sua Bíblia Lucas 20.27-40 – Compartilhe #HoraLuterana

10 novembro 2019

Deus com você

Fazer a vontade de Deus nem sempre é fácil. Você pode encontrar obstáculos e mesmo ser tentado a não fazer o que é correto, com medo de ser demitido, de acabar um relacionamento, de acabar sozinho. Moisés sentiu-se pequeno diante da vontade de Deus em libertar o povo da escravidão. “Moisés perguntou a Deus: Quem sou eu para ir falar com o rei do Egito e tirar daquela terra o povo de Israel? Deus respondeu: Eu estarei com você...” (Êx 3.11-12). Deus não exalta as virtudes de Moisés, não o encoraja apontando as suas qualidades, o seu histórico escolar ou diplomas. Ele simplesmente promete: “Eu estarei com você”. Diante dos desafios e tentações, lembre-se de que, antes de tudo, Deus está com você – como também Jesus prometeu. 

Oração: Amado Jesus, obrigado por prometeres estar comigo todos os dias. Que esta tua promessa me dê coragem para buscar fazer a tua vontade sempre. Em teu nome. Amém.

Leia em sua Bíblia Êxodo 3.1-15 – Compartilhe #HoraLuterana

08 novembro 2019

Promessas de vitória

Muitas vezes quando um time de futebol começa uma temporada, há promessas de muitas vitórias. Se o time não vai bem, pode haver troca de treinador. E, então, mais promessas de vitória surgem. Mas não há garantias de que as promessas se tornem realidade e transformem o time em vitorioso. Com Jesus é diferente: as suas promessas sempre se cumprem, são presentes e não apenas uma tentativa de um futuro melhor. O povo de Deus experimenta a alegria de ouvir sempre de novo as promessas que vêm do Pai: “Foi para isso que Deus os chamou, por meio do evangelho que anunciamos, a fim de que vocês também tomem parte na glória do nosso Senhor Jesus Cristo” (2Ts 2.14). Quer vitória garantida? Confie em Jesus!

Oração: Salvador Jesus, nas minhas aparentes derrotas neste mundo, abre meus olhos para as tuas promessas. Em teu nome. Amém.

Leia em sua Bíblia 2Tessalonicenses 2.1-17 - Compartilhe #HoraLuterana

Faça já o download gratuitamente na loja de aplicativos do seu smartphone!
GooglePlay: bit.ly/MEAndroid

07 novembro 2019

Sofrimento e sede

“Por que estou tão triste? Por que estou tão aflito?” (Sl 42.5), pergunta o poeta bíblico para Deus. Sedento, ele sabe que a sua aflição aumenta ao não beber da água da vida, ao não desfrutar de momentos com Deus, com a sua palavra e as suas promessas, com o seu povo. “Eu tenho sede de ti, o Deus vivo!”, ele revela. Sabendo que em si mesmo ele não achará paz, e que ao buscar em outras pessoas o amor para preencher o seu ser ele só achará desesperança, ele reconhece: “Eu porei a minha esperança em Deus e ainda o louvarei. Ele é o meu Salvador e o meu Deus” (Sl 42.5). Você está sedento? Aflito? Em solidão? Ponha a sua esperança em Deus, o Salvador Jesus, e junte-se a uma multidão que se alegra com a paz.

Oração: Deus Salvador, que nos dias difíceis eu me lembre de colocar a minha esperança em ti. Junta-me a mais pessoas para que juntos louvemos a ti, reconhecendo o teu amor e paz que nos dás. Em nome de Jesus. Amém. 

Leia em sua Bíblia o Salmo 42 – Compartilhe #HoraLuterana

06 novembro 2019

Nos tempos de paz

Em um tempo de constantes guerras, o rei Asa teve dez anos de paz para governar. Ele aproveitou bem o tempo de paz para investir no bem do povo e na saúde espiritual das pessoas. “Asa construiu muralhas e fortalezas nas cidades, e durante o seu reinado nenhum inimigo guerreou contra ele, pois o Senhor Deus fez com que houvesse paz” (2Cr 14.6). Aproveite os momentos de descanso e de paz para preparar-se bem para os dias difíceis. Eles virão, mas quando estamos sob o descanso e a paz que Jesus nos dá, poderemos enfrentá-los sem desespero.

Oração: Pai, obrigado pelos tempos de paz e descanso que me dás. Que eu tenha sabedoria de viver esses tempos da melhor forma, cuidando das pessoas, ouvindo a tua palavra e firmando os meus passos em teu caminho. Em nome de Jesus. Amém.

Leia em sua Bíblia 2Crônicas 14.1-7 – Compartilhe #HoraLuterana

05 novembro 2019

Essa tal liberdade

“Se o Filho os libertar, vocês serão, de fato, livres” (Jo 8.36), afirmou Jesus. Como assim, livres? Gostamos de pensar que somos plenamente autônomos, independentes e capazes de escolher sem medo o que nos trará felicidade. Mas os erros, as mágoas que causamos ou que sofremos, e a angústia que vem do reconhecimento de quão volátil é o prazer, nos trazem uma humildade necessária, visceral. “Quem peca, é escravo do pecado”, continuou Jesus. Simples assim. Uma escravidão da quão não temos forças para nos libertar. Mas se ele, Jesus, o Filho, nos libertar, somos de fato, livres. De fato. E o que é que eu vou fazer com essa tal liberdade? Viver, sonhar e continuar caminhando em paz, sendo instrumentos de paz neste mundo na certeza de que Jesus está nos preparando um lugar no próximo.

Vamos conversar mais sobre essa tal liberdade? Hoje, quarta-feira, às 19h, acesse www.facebook.com/horaluterana e participe do programa O Caminho, ao vivo.

Oração: Jesus, liberta-nos. Faze-nos conhecer a verdade que liberta. Em teu nome pedimos. Amém.

Leia em sua Bíblia João 8.31-38 – Compartilhe #HoraLuterana

04 novembro 2019

Ofensas

"Os homens direitos sabem dizer coisas agradáveis, porém os maus estão sempre ofendendo os outros" (Pv 10.32). Esse provérbio bíblico nos faz refletir sobre como é importante pensar no que se diz. Um coração justo, falará coisas agradáveis, mesmo que contrárias às ideias da outra pessoa. O mau, com seu coração duro, egoísta e sem se importar com o efeito de suas palavras sobre a vida do outro, ofenderá, mesmo que pretensamente defendendo verdades. O mais importante, disse o apóstolo Paulo, é o amor.

Oração: Salvador Jesus Cristo, perdoa-me por minhas ofensas às pessoas. Que as minhas palavras transmitam graça aos que ouvem. E que o teu amor sempre prevaleça. Em teu nome. Amém. 

Leia em sua Bíblia Provérbios 10 - Compartilhe #HoraLuterana